Bem-Vindos Welcome Bienvenido

Bem-vindos à Óptica Atlantis, um espaço totalmente dedicado ao mundo da óptica e aos seus componentes em que você pode consultar e retirar informações sobre óptica, consultar novidades e noticias relacionadas com este tema. A função deste espaço é ajudá-lo a compreender melhor os seus olhos e a sua visão.

"Os olhos são os senhores da astronomia e os autores da cosmografia; eles desvendam e corrigem toda a arte da humanidade; conduzem os homens ás partes mais distantes do mundo; são os príncipes da matemática, e as ciências que os têm por fundamento são perfeitamente correctas.Os olhos medem a distância e o tamanho das estrelas; encontram os elementos e suas localizações; eles... deram origem à arquitectura, à perspectiva, e à divina arte da pintura...Que povos, que línguas poderão descrever completamente sua função! Os olhos são a janela do corpo humano pela qual ele abre os caminhos e se deleita com a beleza do mundo".


>>>>>>>>Este Espaço está em permanente actualização<<<<<<<<

domingo, 10 de dezembro de 2006

Cones e Bastonetes

Os Cones são as células do olho humano que tem a capacidade de reconhecer as cores. Já os bastonetes, outro tipo de célula do olho humano, tem a cacidade de reconhecer a luminosidade. Existem aproximadamente 6 milhões em cada olho humano concentrados na região fóvea. A ausência ou deficiência nos cones dá origem ao daltonismo.
Os Bastonetes são células fotoreceptoras da retina que conseguem funcionar com níveis de luminosidade baixos. São basicamente responsáveis pela visão nocturna. Têm este nome derivado à sua forma alongada e cilindrica. São também usados na visão periférica.
Estas células estão concentradas mais externamente na retina e existem, na retina dos humanos, cerca de 100 milhões de bastonetes.
Servem para quando uma pessoa vai a um ambiente mais escuro, os bastonetes trabalham de forma a que os objectos fiquem mais perceptíveis e quando se vai para um lugar mais claro se vejam de forma melhor. Estão localizadas na região fóvea.
São 100 vezes mais sensíveis à luz que os cones, mas detectam apenas tons de cinza.
A activação de um bastonete, ocorre por meio de um processo chamado hiperpolarização.

8 comentários:

Anónimo disse...

Adorei esse site, achei tudo oq estava procurando para o meu trabalho!Vlw!
Ha a única coisa que eu naum achei foi a Fóvea! Vlw!

ARI. disse...

site muito bom
tudo que eu precisava em um só site =D PARABÉNS!

_Jônathas disse...

Parabéns pelo seu trabalho aqui.

Depois entra lá no meu: http://escrevendoforadarotina.blogspot.com/

Anónimo disse...

bem legal ajudou no meu trabalho

Liliana Brandim disse...

Ótimo assunto, me ajudou muito =) .. Tudo de lindo na sua vida, que Deus ti recompense por ajudar os outros.. :D

Anónimo disse...

nossa esse site fala tudoo sobre os olhos, obriigadooo mesmo
< vou fazer uma prova hj , me dar soorte
bjoooos
parabéns

Anónimo disse...

mto bom site... na verdade ja venho pesquisando há algum tempo o olho humano... gostaria de saber uma coisa... as células fotossensíveis das águias sao mais sensiveis que as nossas ou são em maior numero?
pois elas enchergam um coelho até 3km de distancia não e?
gostaria de saber a diferença das nossas células fotossensíveis para as delas...
se posivel add msn yurigasperine@hotmail.com

Miriam Mitsubishi disse...

Muito bom seu trabalho... Parabéns ele é uma ótima fonte para pesquisas..